Página Principal
Conheça a CBCS
Homologar Recorde
Recordes
Nossos Campeões
Calendário
Filiação
Resultados
Notícias
Ranking
Outros Sites
Fale Conosco
 

Regulamento para homologação de recordes brasileiros de Caça Submarina
  1. O recorde será individual.
  2. Só será reconhecido como recorde peixe arpoado por um indivíduo, podendo este ,todavia, arpoá-lo outras vezes de dentro d'água.
  3. Só serão aceitos para homologação peixes considerados esportivos.
  4. Só entrarão em discussão pedidos de peixes arpoados que tiverem peso igual ou superior a um quilo.
  5. O uso de aparelhos de respiração artificial e de ponteiras explosivas desqualifica o recorde.
  6. Os pedidos de homologação de recordes só serão apreciados quando acompanhados de:
    1. Uma fotografia nítida, tamanho 18x24 cm, do peixe ao lado do caçador. A fotografia deve ser tirada do peixe suspenso pela cauda e mostrando seu flanco esquerdo paralelo ao plano focal da máquina.
    2. Dimensões e peso. Por dimensões se entende: comprimento, que é a medida que vai da extremidade do focinho à inserção da cauda; circunferência, que é a medida tomada com uma fita passando por baixo das nadadeiras peitorais. Além da especificação do peso, deverá ser indicada a marca da balança.
    3. Para certos grupos de peixes de difícil classificação, outros elementos serão exigidos, elementos estes constantes em relação anexa.
    4. Um relato minucioso de captura, descrevendo como foi arpoado, desentocado (no caso) e embarcado o peixe. Nota - Chama-se a atenção que, para fins de homologação, os peixes não poderão ser desentocados com a ajuda de tração do barco. Será no entanto permitido o uso de bicheiro para desentocar e para embarcar o peixe, assim como por medida de segurança, admite-se o emprego de porretes e pancadas para acabar de matar a presa antes de pô-la a bordo.
  7. Os pedidos para homologação deverão ser acompanhados de assinaturas de, no mínimo, duas testemunhas, tanto da captura quanto da passagem e das medidas do peixe, e ser feitos até seis meses após a captura. Deverá estar acompanhado, também, da cópia da taxa de homologação de recordes de R$ 50,00 (cinqüenta reais) que deverá ser depositado na seguinte conta corrente:
Confederação Brasileira de Caça Submarina
Banco do Brasil
Agencia n.º 1253-X
Conta corrente n.º 4693-0
CONSELHO DE ASSESSORES DE CAÇA SUBMARINA DA CBCS.
 
Clique aqui para ver a Ficha para inscrição de recordes brasileiros de caça submarina.
Se tiver interesse, imprima a Ficha, preencha e mande para
CBCS - Confederação Brasileira de Caça Submarina
Rua Visconde de Inhaúma, 39 sala 1005 - Centro
Rio de Janeiro - RJ - CEP: 2
0091-007
 
Exigências suplementares para homologação de recordes de Caça Submarina para peixes de classificação duvidosa
SERNAMBIQUARA - PAMPO - ROMBUDO - GALHUDO - PAMPO GALHUDO
  1. Fotografia 10x15 cm em que seja visível a linha lateral (A). Fotografia 10x15 cm da cabeça do peixe com a boca fechada.
  2. Contagem dos raios da barbatana dorsal separadamente parte espinhosa (B) e não espinhosa (C) no ato da pesagem e com testemunhas. Preencher no gráfico ao lado.
Obs.:
MERO - BADEJO - CHERNE - GAROUPA - VERMELHO - CARANHO - CIOBA
  1. Contagem dos raios das barbatanas dorsal e anal separadamente dorsal espinhosa (A) e não espinhosa (B); anal espinhosa (C) e não espinhosa (D) no ato da pesagem e com testemunhas. Preencher no gráfico ao lado.
  2. Contagem dos espinhos da cobertura das guelras (E).
  3. Descrição minuciosa da coloração.
Instruções para Fotografias e Medidas
Fotografia nítida, tamanho 18x24 cm do peixe ao lado do caçador. A fotografia deve ser tirada do peixe suspenso pela cauda e mostrando seu flanco esquerdo paralelo ao plano focal da máquina.
Comprimento é a medida que vai da extremidade do focinho à inserção caudal; circunferência é a medida tomada com uma fita passando por baixo das nadadeiras peitorais.
© 2003 / WWW.CBCS.COM.BR - Todos os direitos reservados
Imprimir! Página Principal